Você guarda. Você explode. Mas o que você faz com tudo isso? Se martiriza como se não houvesse amanhã? Se culpa, chora, culpa os outros? Você está fazendo isso errado!

Quando nos incomodamos com algo, precisamos entender o porquê do incômodo. O local do problema não deve ser nem dentro da nossa cabeça nem jogado na cara dos outros e sim separado de nós. Precisamos olhar pro problema, entendê-lo, aceitá-lo e corrigi-lo no que for possível.

Olhe com carinho para as suas preocupações e você vai ver como tudo fica mais fácil. Entenda que elas não desaparecem se a gente sentir raiva. Muito pelo contrário, a situação até piora.

Não fuja, não guarde, não desconte nos outros. Apenas encare que esse obstáculo é seu e só você pode ultrapassá-lo. Não tenha medo, você tem mais chances de ficar bem resolvendo do que deixando adormecido.

Não é difícil alcançar a felicidade, difícil é entender que ela não é uma fantasia sem dificuldades.

Escrito por Sarita Deoli

Nordestina, advogada e graduanda em psicologia. Criou o Trago o Sol para falar sobre as relações do ser humano com si mesmo e com o mundo. Acredita no valor do autoconhecimento e do conhecimento em si. Tem mais esperança do que antigamente e insiste que não está aqui só de passagem.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: